i miss u ♥

« conquistaste. depois de tanto tempo, depois de tantas mudanças, de tantas desilusões, de tantos momentos secretos, depois de tudo o que se passou nestes anos todos, tu conseguiste. e ninguém me pode questionar se isto que hoje escrevo, é bom ou mau, certo ou errado, porque isso ninguém sabe, nem mesmo tu e eu. não. não foi em vão. nada foi em vão. todos os sorrisos que partilhamos, todos os olhares que trocamos, todas as músicas, todas as mensagens secretas, todos os abraços, todos os apoios, todas as discussões, todas as birras, todas as noites, todos os amuos, todos os segredos, todas as histórias, todas as tardes, todas as brincadeiras, todos os sonhos, tudo. tudo valeu a pena. tudo fez valer a pena. e aqui sentada a namorar o mar, vagueio por esta praia sozinha, mas de mão dada com o silêncio, com a insegurança, com o medo de perder, instala-se a incerteza do futuro e aí … aí respiro fundo e pergunto-me “ como é que será amanhã? “, “e se eu abrir os olhos e ele já não estiver aqui comigo?”, “ e se o mundo nos levou para demasiado longe e eu já não tiver forças para o alcançar?”.. e é aí que abro os olhos e espero por ti , por mim, por nós. espero porque sinto que és uma das únicas pessoas que o merece. espero porque sei esperar, porque me habituei a esperar. espero porque há uma voz firme e incessante dentro de mim que me pede para esperar. e quando duvido se sou forte o suficiente para lutar por isto, há sempre uma força estranha mas forte que me faz correr para ti, embora nunca, em nenhuma circunstância, corra atrás de ti, porque não posso, não me é permitido interferir no teu destino e mudar o curso da tua vida. isso, terás que ser tu a fazê-lo, por ti e para ti, se assim o entenderes. mas será que o queres? será que estás assim tão disposto a lutar por mim? será que sentes o mesmo medo? será que queres tanto isto como passaste anos a dizer que querias? será que sentes tudo o que o meu coração sente e grita ao mundo? eu quero acreditar que sim, mas no fundo começo a sentir que não. e dói. dói não ter certezas de nada. dói sentir-te longe. dói . dói mesmo.»

( sinto a tua falta :c )

Sem comentários:

Enviar um comentário