one more time ♥'

« quando é que isto vai acabar ? quando é que vais parar um pouco para me dizeres o que é que afinal queres de mim ? quando é que este vaivém psicológico vai acabar ? quando é que vais deixar de virar assim a minha vida, completamente do avesso ? quando é que vais deixar de ter tanto poder sobre mim ? quando é que vais sentir tanto a minha falta que vais ter que voltar de vez ? quando é que vens para ficar ? quando é que te vais deixar destas perdas de tempo ? quando é que te vais deixar deste jogo do rato e do gato ? quando é que vais decidir se vais ou se ficas ? quando é que vais deixar este lixo que tenho no lugar do coração em paz ? quando é que lhe dás um bocado de tempo e de espaço ? quando é que cuidas dele ? quando é que o destróis de vez ? quando é que percebes que andas a fugir daquilo que toda a gente sabe que é o nosso destino ? quando é que paras de magoar o mundo todo que te rodeia ? quando ? ó meu amor, pára . por favor . por mim, por ti, por nós . pára de me destruir desta maneira, pára de ser aquilo que sabes que (já) não és , pára com esse jogo . larga, de uma vez para sempre, essa máscara que puseste para enganar o mundo que faz parte de ti . bate com a cabeça na parede se for preciso, mas pára com isso . acorda para a vida, caramba ! reage, luta, desiste, investe, recua, avança, perde, vence, muda, decide o jogo . o dado está , onde sempre esteve . está do teu lado . tu decides . tu escolhes . tu jogas . tu mudas tudo . a mim resta-me apenas agarrar ou largar (...) »

1 comentário: