2# carta DO teu namorado *


Eduardo José Pedrosa Dias ♥

« mais uma vez, estou aqui sentado na varanda dos sonhos a escrever para ti. o motivo? não preciso de um motivo para escrever para ti, mas sei que mais tarde ou mais cedo a distância irá impor-se entre nós, e eu tenho mesmo que parar para pensar e escrever , para de alguma forma isto sair da minha cabeça, para conseguir dormir sem pensar muito. e não, não é isto que fará com que eu desista de tudo, de nós, que baixe os braços e te deixe partir . isto é apenas uma prova de que te vou amar sempre, estejas tu aqui do meu lado, ou do outro lado do mundo, dê a vida as voltas que der, passe o tempo que passar, chova o que chover, faça sol ou caia neve . eu nunca me vou esquecer de ti, nunca. porque sim eu admito, és o melhor e o pior de mim, sempre foste e sempre serás . mas esta coisa de te ausentares da minha vida por tantos dias está a dar comigo em louco, por completo. ter só o telemóvel para falar contigo não me acalma a dor de não te ter aqui comigo. e eu não me consigo imaginar tanto tempo sem ti, sem as nossas conversas, sem os nossos abraços apertados, sem as nossas brincadeiras, sem as nossas manhãs, tardes e noites, sem os nossos sorrisos, sem os nossos momentos, sem os nossos beijos, sem os nossos momentos de cumplicidade, sem os nossos amuos, sem as nossas malandrices, sem poder brincar com o teu cabelo, sem poder agarrar a tua mão, sem poder olhar para os teus olhos, sem sequer poder tocar-te. e no meio de tudo, isto é o que me custa mais, saber que não te vou ter por perto para fazer o que sempre fazemos. mas nem tudo é mau, eu quero acreditar que no meio disto tudo há uma boa razão . uma razão que desconhecemos mas que certamente nos fará mais fortes, que nos manterá ainda mais unidos . a razão que levará a que todas as palavras ditas sejam cumpridas, que todas as promessas não se quebrem, para que todos os sonhos não se destruam . isto tem o seu lado bom, tem que ter . o lado que eu te quero mostrar, mas que com as palavras me parece demasiado banal . mas eu vim para ficar, e nunca te vou deixar sozinha, eu prometo . porque sempre que tu caíres eu vou cair contigo, sempre que quiseres chorar eu vou chorar contigo, sempre que sorrires eu vou sorrir contigo, sempre que quiseres brincar eu vou brincar contigo, sempre que quiseres cantar eu vou cantar contigo, sempre que quiseres fazer a maior maluqueira da tua vida vou ser eu que vou estar lá para a fazer contigo. tudo o que quiseres fazer ou dizer eu vou estar lá para te apoiar . quer seja nos momentos maus quer seja nos bons. tudo o que nós construímos nestes 'quatro' meses tem-se tornado tão importante, tão especial que eu nunca mas mesmo nunca te quero perder. sem ti já nada faz sentido, sem ti já não há sorriso pela manhã, não há brilho nos olhos no meio da escuridão, não há o bater forte do meu coração. sem ti já não sei o que seria de mim agora. sinceramente, nem quero pensar nisso. eu por ti dou a minha vida, posso matar, posso fazer qualquer coisa por ti! por ti, dou as voltas que forem precisas ao mundo para te encontrar, sofro por ti, vou até à exaustão por ti, porque por ti vale tudo. e hoje prometo-te com todas as certezas do mundo, que estarei aqui a amar-te como nunca amei na vida, a esperar por ti de sorriso na cara, porque para onde tu fores, faças o que fizeres eu vou estar sempre com o meu coração preenchido por ti. porque juntos conseguimos ultrapassar o passado, conseguimos enfrentar as barreiras do presente, e iremos ultrapassar tudo e todos que se meterem no nosso caminho. porque juntos temos a força de mil homens, e vamos conseguir passar por esta fase, por este tempo difícil. e no fim estaremos os dois juntos, para SEMPRE! ( são 4:27 da manhã, estou a chorar, a sorrir, a morrer, a lembrar, a relembrar, a construir, a pensar, mas quanto mais penso menos sei, não sei que dia é hoje nem saberei nos próximos dias. não vou olhar para as horas só não saber que ainda falta muito. esperei a minha vida toda por ti, cai, levantei-me, hoje sou o que sou, sou por ti, sou para ti, hoje amanhã e SEMPRE. amo-te, amo-tee, amo-teee! ) p.s: - Vamos casar ? ♥ »


( meu amor, eu amo-te, e isto não é uma despedida, é apenas um beijinho na testa acompanhado de um 'até já' . eu prometo * ) ♥

5 comentários: